Flamengo. Rio de Janeiro/ RJ. Brazil
+55 (21) 99991-3099
contato@leosantosbjj.com

UFC: Russian discharged after series of illegal strikes against Leo Santos

by Léo Santos official website

UFC: Russian discharged after series of illegal strikes against Leo Santos

Marcado pela estreia desastrosa no UFC 251, onde, além de derrotado, demonstrou pouco apreço pelo jogo limpo ao desferir uma série de golpes ilegais contra o brasileiro Léo Santos, o peso leve (70 kg) Roman Bogatov não faz mais parte do plantel da principal organização de MMA do planeta. Em contato com a agência russa ‘TASS’, o próprio lutador confirmou a rescisão contratual por parte do Ultimate, encerrando assim sua passagem relâmpago na organização após ter feito apenas uma luta dentro do octógono mais famoso do mundo.

Por: Ag. Fight | ESPN Brasil.

Roman Bogatov (esq.) leva golpe do brasileiro Leonardo Santos, no UFC 251 Getty Images

Ex-campeão peso leve do M-1 Global, Roman Bogatov assinou com o Ultimate em novembro do ano passado. Em sua primeira e última peleja pela entidade, realizada no último dia 11 de julho, na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU), o lutador russo abusou dos golpes ilegais aplicados – sendo dois na região genital, uma dedada no olho e uma joelhada ilegal na cabeça, quando Léo Santos estava com os três apoios no chão -, fato que obrigou o árbitro Marc Goddard a deduzir dois pontos dele. Ao final, o brasileiro venceu por decisão unânime dos juízes – com triplo 29 a 26 nas papeletas – resultado que seria o mesmo ainda que o rival não tivesse recebido a punição.

“Sim, eles me disseram hoje que eles rescindiram o contrato”, confirmou Roman Bogatov.

Outra polêmica que pode ter contribuído para a rescisão contratual por parte do UFC foi a presença do também lutador Aleksey Kiser no córner de Bogatov. O membro da equipe do russo chamou a atenção ao exibir uma tatuagem em seu cotovelo associada ao nazismo.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

en_USEN